segunda-feira, 29 de maio de 2017

Capitulo 20 (Recomeçando)

- Vai sair?
- Vou até a casa da Nessa
- Uol! Você é rápido em!!
- Não é nada disso Dylan, vou chegar de surpresa mesmo (sorriu)
- Boa sorte!!

Noite de Quarta- feira estava louco para rever-la, um pouco inseguro em não avisar e ser dispensado. Bati na porta e aguardei longos segundos até a mesma atender com telefone em mãos

- Zac?!
- Boa noite Nessa (dei meu melhor sorriso)
- Aconteceu algo?!
- Não! Uma típica visita de um cara com saudades (ela riu)
- Entre! E não repare na bagunça, ainda estou organizando as malas
- Sem problema!

Entrei e reparei em cada espaço e na atmosfera que era outra desde a última vez que estive aqui. Ambiente leve e bom cheio de caixas no meio

- Quanta coisa!
- É verdade (riu) você disse que não iria reparar!
- Posso te ajudar!
- Vamos comer alguma coisa primeiro estou faminta..
- Pizza?
- Não (fez uma careta) este tem sido meu cardápio desde que voltei
- Um yakissoba então?
- Perfeito!

Fizemos o pedido e comemos conversando sobre coisas banais. Depois passamos a organizar seus pertences quando encontrei uma foto dela com um loiro. Gelei e a mesma percebeu

- Sobre isso, é embaraçoso (passou as mãos nos cabelos)
- Desculpe não devia ter mexido (coloquei de volta) está ficando tarde, e amanhã temos que ir trabalhar cedo é melhor continuarmos outra hora
- Zac, podemos conversar sobre isso..
- Eu não sei se quero Nessa.. (declarei)
- Estou aqui não?! (se aproximou e segurou minhas mãos) acredite ou não, Austin foi primordial para que viesse
- Austin?!
- Mantive um relacionamento com ele enquanto estive lá
- Você não precisa me contar ( a encarei) mesmo (insisti)
- Gostaria...
- Por que?
- Para recomeçarmos (ela não tirava os olhos de mim e por mais que estivesse frustado queria ouvi-la)
- Vai devagar em ! (tentei brincar e ganhei um sorriso, naquela noite fiquei sabendo de todo o ocorrido em Costa Rica e da profundidade de seu relacionamento com Austin)
- Foi isso! (respirou depois de contar)
- Poxa! (me encontrei abalado) ele parece incrível
- Ele é ! (afirmou e fiquei com muito ciumes com suas declarações e teve momentos em ter de me segurar para não sair correndo dali, mas algo não encaixava)
- Qual o problema então Nessa? Por que está comigo? (me movi tentando restabelecer o controle corporal devido a tensão em que me encontrava)
- Com ele nenhum (riu) eu que não consigo parar de pensar em você (declarou)
- Eu não toco nenhum instrumento, não entendo de hotéis e nem de aventuras, talvez não consiga ser tão dinâmico ( a mesma me cortou)
- Você não precisa de nada disso. Você me entende e para mim basta
- E o que eu fiz Nessa? (fiquei atento a qualquer sinal negativo o que não ocorreu)
- Esta tudo bem agora (percebia-se que a mesma estava escolhendo as palavras) passou e ocorreu cedo demais. Naquela época talvez não estivéssemos prontos para o compromisso que era um casamento.
- Se pudesse voltar ...
- Não podemos (sorriu) mas podemos fazer de agora para frente (me encarou)
- Seus sentimentos por Austin acabaram?
- Não. Acredito que pessoas tem esse poder em nos fazer amar de diversas formas. Foi intenso e eu evolui com isso, sempre terei um carinho enorme por ele. (Abaixei o rosto deixando algumas lagrimas tamparem minha visão) Não chore amor
- Você esta apaixonada por outro Vanessa. Eu não posso lidar com isso (Bufei prendendo lagrimas que me doíam até a garganta)
- Não, não estou. Estou te contando que tenho sentimentos por ele. Ama-o mas não como mulher, entende?!
- Hum.. (fiquei em silêncio tentando entender)
- Ciúmes? (ela riu quando fiz um bico)
- Muito, ama-o como? (estava com medo da resposta)
- Como amigo
- Mesmo??
- Mesmo.
- Tudo bem ... (fiquei quieto)
- Ok Zac, e agora o que foi?
- Estou inseguro só isso. Eu não me relacionei com ninguém neste período, talvez nem saiba mais beijar (dramatizei ganhando uma gargalhada) que dirá algo mais íntimo. Ele é melhor que eu ?(agora realmente falei sério)
- Sexo?
- Sim
- Poxa você ficou bem mais sensível do que me lembrava
- Fiquei mesmo (rimos) mais carente e maduro também!
- E lindo (chegou no meu ouvido) não esquece
- Responde Nessa (apertei sua cintura diminuindo qualquer distância entre nós)
- Não não é (me olhou sorrindo)
- Eu amo você Vanessa. (ela ficou emocionada e eu também estava, era nosso recomeço) te amo princesa (beijei seu rosto) você é a mulher da minha vida (nossos olhos marejados refletiam a transparência do momento)
- Eu vou chorar (me abraçou ) eu também te amo
- Eu posso? (Me referi a seus lábios)





Mais um capítulo gente só love =D estamos terminando a fic me digam o que acharam e agradeço a Rafa Diniz que acompanha desde sempre, me ajudou a concluir bjos Rafa. E até o próximo galera!





terça-feira, 23 de maio de 2017

Capitulo 19 (Surpresa)

- Zac Efron, você tem que ver isso!!!
- Caramba me deixa dormir
- É caso de vida ou morte, levanta!!
- Dylan, é melhor você parar, estou exausto! (virou-se para o lado se cobrindo)
- Não diga que não avisei

(Dylan saiu do quarto e se dirigiu a cozinha em busca de água gelada)

- Esta deve servir!! (retornou ao quarto, abriu as janelas) Zac?
- ......
- Eu tentei em! (derramou o liquido congelante sobre a cama e no outro instante estava rolando no chão com Zac)
- FICOU LOUCO?! (tentando acerta-lo)
- Espera!! foi por uma boa causa eu juro
- É melhor que seja, caso contrário eu acabo com você!
- Tudo bem, agora me solta (o empurrou)
- Vista algo descente, vamos a praia
- Espera, esse alarde todo para ir a praia?! Eu virei a noite trabalhando ..(é interrompido)
- Fale menos e se troque, vamos é importante
- Que horas são?
- 9:30 e receio que já estamos atrasados

Alguns minutos depois

- Pronto e viemos fazer o que?
- Me agradeça depois (sorriu)
- Hum?
- Segue reto e me diga o que acha da deusa que está tomando sol
- Dylan, vou te quebrar
- Calma, estressado. Confia em mim e vai logo, não ta vendo o tumulto la?
- To indo



- Eu não acredito (sentiu os batimentos acelerarem e se viu correndo em direção a Vanessa, chegando ofegante  debruçou- se em um abraço desajeitado, tentando senti -la)
- Quer me matar de susto criatura?! (gargalhou retribuindo ao toque)
- Não é possível, eu estava contando os dias, como ??
- Surpresa!! (sorriu) e vamos para de me olhar desse jeito que eu fico sem graça
- Baby V ( Vanessa foi as alturas com seu apelido) estava com tantas saudades (apertou seu corpo e deu um beijo em seu pescoço)
- Eer, vamos devagar né?! (sentiu o arrepio passando pela espinha) 
- Desculpe (riu nervoso) mas acredite estou tentando me conter!!
- Tudo bem (riu) acho que podemos nos soltar agora né?! está todo mundo olhando...
- É mesmo necessário? (brincou soltando-a contra vontade)
- Bem melhor.. vamos sente-se,  peguei o costume de tomar Sol pela manhã e hoje especialmente está sendo bem agradável! (sorriu, deitando-se novamente sobre sua canga)
- Certo, você gostaria de beber algo? Eu posso comprar um coco para que não se desidrate..
- Seria bom (sorriu colocando seus óculos e Zac sentiu as pernas bambearem estava a um fio de agarra-la)
- Já volto

Saiu apressado para que não notassem o estado de seu corpo. Era preciso se conter, muitas dúvidas rondavam sua mente  e antes de tudo precisava ir com calma. Dylan estava próximo

- Como ficou sabendo que ela havia voltado??
- Estava correndo por aqui hoje e quase infartei quando percebi que era ela (declarou com certa malicia e Zac instantaneamente fechou o semblante) relaxa mano! (riu) Sou homem pô. E ela está maravilhosa...
- Vai continuar? (cerrou os punhos)
- Sugiro que se controle, ela está olhando para cá
- Vou voltar (pegou os cocos) obrigada Dylan (sorriu e declarou com voz de morte) juro que se encara-la mais uma vez esqueço que é meu irmão!
- Eu já estava de saída (riu) boa sorte!

Retornou

- Aqui está (sorriu)
- Aquele era Dylan?!
- Uhum...
- Poxa está muito bonito!
- Genética (gabou-se rindo em seguida)
- Seu senso de humor é incrível! só perde para o ego (declarou risonha)
- Deixando a beleza do Efrons de lado, o que houve?? Ashley também voltou? restava um mês ainda..
- Ashley ficou para finalizar nossos contratos por lá, e bom eu realmente precisei retornar
- Algum problema?? (pergunto preocupado)
- Não necessariamente (sorriu)
- Entendi (ficaram em um silêncio constrangedor por um tempo) obrigado 
- Por que?
- Por ter mantido contato (abaixou o rosto vermelho) foi muito importante
- Você parece diferente... o que houve neste período?
- Muitas coisas baby V, eu ... deixa pra lá
- Estou te ouvindo (puxou seu rosto para encara-lo)
- Eu mudei (declarou) mudei muito neste tempo e quero que você perceba
- Estarei de olho em você (beijou sua bochecha e piscou)
- Não faça isso outra vez ou simplesmente não responderei por meus atos (fechou os olhos)
- Calma gatinho (sussurrou) não feche os olhos são meu ponto fraco





EEE chegamos ao fim deste capitulo, Vanessa de volta, reencontro com o Zac e muitas emoções =D Não deixem de acompanhar bjos!!



terça-feira, 16 de maio de 2017

Capitulo 18 (Uma conversa esclarecedora)

Um dia chuvoso e calmo se apresentava após 2 meses dos últimos acontecimentos. Muitas coisas se mostravam diferentes. Os dias pareciam voar de tão rápidos que passavam e tudo se movia numa intensidade de aquecer o peito no relacionamento de ambas as amigas.

- Eu não acredito que você vai ficar lendo o dia todo
- É relaxante Ashley, e outra finalmente estou descansando...
- Existe a possibilidade de encontrar algo que descanse nós duas??
- Quer que eu leia em voz alta? (Vanessa não teve nem tempo de desviar da almofada que veio em sua direção) Eita violência!! Cadê o Chris?? Preciso comentar com ele seus surtos de violência...
- Engraçadinha, na verdade não faço a mínima ideia de onde ele esteja hoje (bufou)
- O que houve? (guardou o livro)
- Nada...
- Conheço você!! Eu precisaria de mais alguma coisa para levar uma almofadada no rosto (brincou)
- Meu lance com o Chris, tem me deixado nervosa..
- Lance??
- Meu relacionamento quero dizer...
- Mas por que? Ele parece muito interessado ...
- Este é o problema Vanessa, daqui um tempo estaremos contanto quantos passos damos do saguão até o quarto...
- Eu não sei se entendi... (declarou confusa)
- Você e o Austin por exemplo,  as coisas simplesmente acontecem e eu e Chris não estamos mais conseguindo conversar sem que tenha um planejamento para tudo.. hoje vamos fazer isso, comeremos isso e nossa casa sera claro por dentro escura por fora (desabafou imitando-o)
- Ashley?!
- Estou sendo sufocada...
- Ei pense de outra forma...
- Qual? Estou namorando um controlador??
- Não é o fim amiga (riu de seu desespero repentino)
- Eu não quero parecer frustada... e não está excitante como no início entende?
- Ei loira, se acalme estamos nos atarefando muito diariamente e isso acaba pesando no relacionamento. Chris faz planos porque te ama e tende a construir um futuro contigo. É lindo e não tire meu lance com o Austin como base... nós não estamos pensando em um futuro
- Lance?? e ainda mais sem futuro?? Invertemos foi?! (riu e logo ficou séria) Achei que estivesse feliz com Austin..
- E estou (riu) no meu caso não estamos pensando lá na frente só isso! As vezes parece dinâmico por que estamos sempre na intensidade do momento...
- Mas... (quis tirar algo oculto dos pensamentos da amiga)
- Não é o tipo de cara que eu queira conversar num domingo a tarde de moletom..
- Como??
- Ele é ótimo..é músico, traz consigo um espirito lindo e de fato é o que aparenta ser. Eu que não me enxergo ao seu lado em determinadas situações
- Muito bem  ( riu) e em que conclusões chegamos??
- Amores fracassados também são lindos Ashley! Se abra com o Chris, diga o que está te incomodando. Vocês combinam muito! Não tenha medo de viver esses momentos de "tensão". Todo casal tem suas provações... e avalie se vale a pena (piscou para amiga)
- Tem horas que você parece tão madura!! Meio que entendi com ambiguidade essa de amores fracassados também são lindos...
- Como você é chata!! Não disse isso baseada em mim!
- Uhum sei!! Você pensa que me engana. Estou te observando a algum tempo e percebi o quanto mais perto fica o dia de voltarmos mais tensa você fica...
- Impressão sua!
- Gata pensa!! Qual outro motivo do planeta faria você colocar seu relacionamento com Austin em cheque... ele é divo? ok. Te faz bem? ok. Esta faltando o que??
- Nada né?! (oscilou na resposta)
- Quando chegamos aqui você já estava bem e agora é o empoderamento em pessoa. Austin tem sido excelente contigo e só se responda é o bastante??
- Injusto né?!
- Sim realmente ter dois homens gregos que te amam é muito injusto  (ironizou e gargalhou com a careta de Vanessa)
- É o Zac tem me feito falta (sorriu com a suposta revelação) mas duvido que você não ficaria balançada. Desde que saímos ele insiste em manter contato e esses dias me mandou uma foto. Eu quase infartei (declarou)
- É você precisa se decidir rápido... lembre-se o Zac ou o Austin, merecem ser felizes, libera um para o mercado (gargalhou)
- Sim, e eu já tenho minha escolha...
- Mesmo??
- É e já vou avisando que é bem louco (riu)
- Não me confunda!! Zac ou Austin??
- "Eu não estou procurando por alguém 
  Com algum dom sobre-humano
  Algum super-heróiCorrigir
  Alguma felicidade de conto de fadas
  Apenas algo a que eu possa recorrer
  Alguém que possa sentir a falta" ( Cantou enquanto saia disparada a procura de Austin)
- É no final das contas não era só eu que precisa conversar ( riu enquanto observava a amiga de longe que parou e gritou)
- ASHLEY!!
- OII??
- SOBRE VOCÊ E O CHRIS, SE ALGO DER ERRADO, NÃO SE PREOCUPE QUE AINDA TEMOS A MARGARITA . E OUTRA VOCÊ VAI CASAR COM ELE (Riu e continuou seu percusso)

Ashley gargalhou e observou uma foto de marca página no livro de Vanessa que dizia exatamente isso *Se algo der errado ainda temos a margarita*. Ela mesma havia entregue a Vanessa. Como eram raras grandes amizades, e sim elas valorizavam cada segundo.






Chegando a parte final da fic que acredito ter sido a mais longo até hoje kkkk iniciada em 2013 e  sendo finalizada em 2017. Vanessa decidiu agora vai 🙌 🙌 Bjos galera e até mais!!

terça-feira, 2 de maio de 2017

Capitulo 17 ( Estou feliz)

Após o dia Zac e Dylan estavam indo para casa

-  Serio mesmo que você não vai me contar o que ela escreveu? ( Peguntou com uma última esperança de que seu irmão se abrisse)
-  Puxei assuntos do cotidiano e ela  respondeu! Não foram nudes (deu risada)
-  Uhum tá, sua felicidade na hora te entregou! Não foi isso..
-  Ela comentou que estava conhecendo novas pessoas mas que tinha saudades minhas. Agora chega de falarmos disso. Boa noite Dylan.

Algum tempo se passou desde então 2 meses se completavam e Vanessa tinha engatado um romance com Austin. Se sentia bem, era divertido estar com alguém depois de tanto tempo e o relacionamento era saudável

- Ei linda tudo bem? (puxou seu rosto com carinho para olha-la)
- Está sim (sorriu de volta e voltou a encarar a noite)
- Não parece (sorriu e a abraçou) está pensativa demais... gostaria de compartilhar algo??
- É tão complicado Austin ( virou- se de frente e segurou suas mãos)
- Descomplique então (riu)...estou ouvindo.
- São tantas mudanças que não estou conseguindo acompanhar ( respirou fundo) Quando resolvi vir a Costa Rica tinha em mente planos e agora ta tudo tão intenso ... estou com medo
- Você não precisa ter medo do novo amor! (sorriu) estamos bem não estamos??
- Austin, não é sobre nós dois... você sabe que é único e poxa só posso agradecer tudo que fez por mim aqui.
- Então o que há...
- Faltam 3 meses para que eu volte e olhe, Ashley esta construindo sua vida com Chris talvez nem queira ir e eu estou perto disso...
- Esta situação incomoda? Reconstruir sua vida aqui?
- Talvez Austin....
- Vanessa, se tem algo que a vida me ensinou é confiar em si mesmo. Observe seja aqui ou no Caribe, você terá pessoas te amando!! 
- Mas... (Austin interrompeu)
- Não tenha medo de decidir o que é melhor para você
- Você diz isso com tanta calma que dá até angustia...
- É simples (sorriu) você me contou sua historia e não estou aqui para concorrer com ninguém (Vanessa abaixou o olhar) Não tem problema nenhum em voltar ( segurou seu queixo) Se você quiser
- Eu não entrei neste relacionamento pela metade Austin
- E é por isso que estou apaixonado ( a beijou) não tenha receio, nós combinamos em sermos felizes e até lá seremos.Depois logo se vê
- Deus como você é fofo (o beijou) deixando todo esse assunto de lado o que iriamos fazer mesmo?
- Iriamos nos vestir com trajes de gala e sair para tomar sorvete (Vanessa gargalhou)
- Por que vestidos de gala??
- Você costuma fazer isso sempre?
- Na verdade não
- Justamente por isso... 
- Você é no mínimo estranho
- Isso por que não te contei o resto da programação
- Como assim??
- Surpresa e rápido se troque...

Naquela noite tomaram sorvete vestidos de gala, depois seguiram para  um restaurante que nunca foram e pediram o de sempre. Cantaram, dançaram e transaram na praia.

- Isso foi insano ( Vanessa riu com o corpo cheio de areia)
- Diga, foi divertido!! (sentaram-se para esperar o nascer do Sol) Esta feliz??
- Muito (sorriu)
- Então valeu a pena...


Na manhã seguinte Ashley esperava Vanessa para ir ao escritório

- Aleluia criatura!! onde você estava?? Estamos atrasadas (foi quando reparou o estado da amiga e gargalhou) Eu devo perguntar o que aconteceu??
- Não!! (sorriu vermelha) preciso de um banho e já vamos

Terminou de se arrumar com as piadinhas de Ashley

- Não acredito que você dançou Beyoncé em um show de rock !! (estava maravilhada com as aventuras da amiga na ultima noite)
- Não foi em um show de rock, tinha uma galera tocando no bar e o Austin me tirou para dançar Crazy In Love, eu nunca passei tanta vergonha na vida
- Você está radiante Nessa!!
- Estou feliz!!







É isso galera!! Mais um capitulo postado espero que gostem!! Neste capitulo temos uma Vanessa libertando-se de seus receios e vivendo o momento. Afinal qual foi a última vez que nós nos vestimos elegantemente para ir tomar  um simples sorvete?? Ou dançamos Beyoncé em um show de rock?? Enfim faça ser divertido mesmo que isso o faça parecer uma insana!! Bjos!!